rodape_edited.jpg
fundo_home.jpg
logo_positivo3.png
  • rbtssa

É possível tornar-se sócio(a) da sociedade do ex-cônjuge, por força de divórcio?

Não. A depender do regime de bens, caso as quotas sociais sejam consideradas patrimônio comum, o cônjuge não sócio não faria jus às cotas propriamente, mas sim à sua expressão patrimonial. Neste caso, para apurar este valor, deve ser feito o procedimento de “apuração de haveres”, ou seja, uma avaliação do valor das quotas e o pagamento pelo cônjuge sócio e/ou diretamente pela sociedade ao cônjuge não sócio.

39 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo